Fato relevante e histórico – JME recebe o primeiro Inquérito Policial Militar integrado com o Sistema da BMRS

177

Nessa segunda (25 de março), ingressou no sistema eproc o primeiro Inquérito Policial Militar (IPM), recebido eletronicamente através da integração com o Sistema de Gerenciamento Correcional(SGC) da BMRS. A integração foi realizada utilizando o MNI – Modelo Nacional de Interoperabilidade.

O IPM de portaria n.º 2361/2018, instaurado com o fito de apurar o crime de abuso de autoridade cometido, em tese, por Policiais Militares do 9º BPM, no parque Harmonia.

Até o momento já haviam sido transmitidos à Justiça Militar do Estado 03 (três) Autos de Prisão em Flagrante Militar, 01 (uma) instrução provisória de Deserção e 02 (duas) representações de medida cautelar.

Esse fato é histórico e relevante, sendo algo inédito no país em termos de Polícia Militar e Justiça Militar. A interoperabilidade entre as duas plataformas (SGC e eproc) representa não apenas um grande avanço tecnológico para as duas instituições, mas principalmente simplifica o trabalho, trazendo economia e visando a garantir uma Justiça mais célere. 

Parabéns ao Comando da Brigada Militar pelo trabalho desenvolvido.