Aprovados em concurso para BM e Bombeiros vão à Casa Civil cobrar convocação

1053

Grupo também solicitou prorrogação da data de validade da seleção pública

Foto: Celso Bender (Assembleia Legislativa/Divulgação)

DIARIO DE SANTA MARIA

Deputados e os aprovados em concurso para os cargos de soldado da Polícia Ostensiva da Brigada Militar e do Corpo de Bombeiros Militar reuniram-se, no início da tarde desta quinta-feira, com o subchefe da Casal Civil do governo estadual, Bruno Pinto de Freitas, para cobrar do governo estadual a convocação para o ingresso no serviço público. No encontro, o grupo entregou moções de apoio à demanda, oriundas de 70 Câmaras Municipais, além de solicitar a prorrogação da data de validade da seleção pública. 

Pela manhã, houve a participação em audiência pública na Comissão de Segurança e Serviços Públicos da Assembleia Legislativa para tratar do efetivo da Brigada Militar e do Corpo de Bombeiros e a renovação do prazo de validade do concurso realizado em 2017. A reunião foi proposta pelo deputado Jeferson Fernandes (PT), presidente do colegiado, em conjunto com a Associação Beneficente Antônio Mendes Filho (ABAMF), representando os servidores médios da BM, e a Associação dos Bombeiros do Estado do Rio Grande do Sul (ABERGS).

Durante a audiência o major Carlos Eduardo Dorneles, chefe do recrutamento e seleção da BM, falou sobre a possível renovação e prorrogação dos editais para a seleção pública de 2017. Ele explicou que a homologação do edital aconteceu em 3 de julho de 2018, encerrando-se em 2020, podendo ser prorrogável por mais dois anos.

– Deixo bem claro e os concursados podem ficar descansados que não vence o prazo de renovação no dia 3 de julho deste ano – afirmou. 

*Com informações da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul