BM realiza VIII Seminário do PROERD em comemoração aos 23 anos da atuação do programa no RS

275
VIII Seminário do PROERD

Iniciou nesta quinta-feira (4), o VIII Seminário Estadual do Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (PROERD) da Brigada Militar. O evento é realizado em comemoração aos 23º anos da atuação do programa no Estado e vai até amanhã, sexta-feira (5).

Durante sua fala, o Comandante-Geral Coronel Rodrigo Mohr Picon saudou e agradeceu a presença “virtual” aos participantes do evento e recordou das memórias do início do programa: “Na época eu ainda não era proerdiano, me tornei em 2003 com a formação da PM de Santa Catarina aqui no RS, a partir dali eu comecei a participar e fui durante alguns anos instrutor.”, ainda parabenizou os instrutores pelo trabalho desenvolvido sabendo das dificuldades encontradas: “Nestes 23 anos pude acompanhar e sei do trabalho de cada um dos senhores, um trabalho dobrado que não envolve só a rotina de policiamento e combate à criminalidade mas também a prevenção às drogas que é tão pesada quanto a atividade de policiamento.”

 Este ano a programação está sendo realizado de maneira totalmente virtual através da plataforma Cisco Webex em razão da pandemia do novo coronavírus. No primeiro dia, a abertura foi realizada pela cantora Luiza Barbosa que participou e foi finalista do The Voice Kids 2019. A solenidade e também contará com palestras e oficinas. Alem dessas atividades, a Coordenadora Técnica do PROERD, Major Karine Brum apresentará o Currículo: “Caindo na REAL: Versão Híbrida”. Em entrevista, a Coordenadora Técnica do programa explicou que este modo nada mais é que a adaptação para o formato virtual das lições que são apresentadas de forma presencial em tempos anteriores a pandemia da Covid-19. 

 Ao final do evento será apresentado o resultado dos vencedores da Gincana Missão Possível realizada no mês de fevereiro. A atividade tinha como um de seus pontos a arrecadação de materiais escolares, doações de cabelo e de sangue. Ao total foram arrecadados 15.674 materiais escolares, 384 doações de sangue foram realizadas e 978 mechas de cabelo foram doadas, mostrando a força que o programa tem no Estado.

 O objetivo da realização anual do seminário é a busca pelo aperfeiçoamento da qualificação dos 350 policiais militares instrutores envolvidos no programa. O seminário visa fornecer aos instrutores ferramentas para melhor desenvolverem suas aulas tendo como foco suas maiores dificuldades, é o que destacou a Coordenadora Técnica: “A temática deste ano deste ano em razão da pandemia vai ser a atualização para como trabalhar num modelo híbrido de ensino, como fazer para acessar as plataformas digitais porque muitos não tem conhecimento. Então vamos capacitar neste sentido e também nos cuidados e prevenções para não propagação da Covid-19.”

 Durante o primeiro dia, além de todos os brigadianos que participaram do evento, mais de 210 policiais militares oriundos de outros 20 estados do país assistiram ao Seminário.

FONTE: BRIGADA MILITAR