Oficiais do Estado Maior da BM participam do programa Na Mira da Notícia

1327

Representando dois setores importantes de assessoramento ao Comandante Geral da Brigada Militar, participaram do programa Na Mira da Notícia, dia 09/02, o Chefe da PM5, Ten Cel Cilon Freitas da Silva e o Chefe Interino da PM4, Major Cléber Rodrigues dos Santos.

Ten Cel Cilon Freitas da Silva – Chefe da PM5

Referente à PM5 a entrevista discorreu sobre a importância da seção do EMBM, que tem a responsabilidade de Comunicação Social, marketing institucional e principalmente sobre a imagem da instituição Brigada Militar, sempre realizando um trabalho de promoção da auto estima dos integrantes da corporação, bem como servindo de elo de ligação com os órgãos de imprensa em geral, que buscam as notícias da instituição.

Também foi abordado sobre as importantes campanhas humanitárias que o comando da BM tem implantado, em especial os projetos Anjos que cria a rede de proteção a saúde mental dos servidores; o Cabelos de Aço, com doações que se transformam em perucas, servindo para pessoas acometidas pelo câncer e a campanha de doação de brinquedos, que distribuiu mais de 150 itens em todo o Estado e ainda o PROERD, entre outros.

No que se refere a PM4, foram apresentados aos ouvintes e seguidores dados que confirmam a importância indispensável do setor que tem como responsabilidade o controle da gestão financeira da instituição BM, tanto no custeio como no investimento.

O Major Cléber, falou sobre os números dos fortes investimentos do Comando da BM pelo seu Comandante Cel Rodrigo Mohr Picon, onde tem como base oferecer as condições para a execução do Policiamento Ostensivo por parte dos policiais, de forma que tenham as melhores possibilidades, inclusive com maior segurança, relatando como exemplo a aquisição das viaturas semi blindadas.

Major Cléber Rodrigues dos Santos, Chefe Interino da PM4

Outro movimento de recursos foi no sentido de deixar atendido os hospitais da Brigada Militar para assistir aos militares estaduais e familiares, tendo em vista o COVID 19 e a importância de testes aos policiais que estão presentes nas ruas independentemente da pandemia. Foi relatado também sobre a aquisição do aparelho (ROBÔ) para cirurgias robóticas com menor evasão e melhor precisão nos procedimentos, instrumento altamente moderno que custou mais de 8 milhões que destaca o atendimento de saúde na Brigada Militar.