Universidade doa ventilador pulmonar para Hospital da Brigada Militar de Porto Alegre

378

Equipamento foi concebido para o atendimento de urgência e emergência de pacientes com necessidade de intubação

Termo de formalização da doação foi assinado nesta segunda-feira (25)Vagner Espeiorin / Divulgação

PIONEIRO

Um ventilador pulmonar desenvolvido pela Fundação Universidade de Caxias do Sul (Fucs), com o objetivo de auxiliar os pacientes com covid-19, foi doado para o Hospital da Brigada Militar de Porto Alegre, nesta segunda-feira (25). A formalização do ato ocorreu após a assinatura do termo de doação por parte do major Márcio Leandro Silva da Silva, representante do Comando Regional de Polícia Ostensiva da Serra (CRPO/Serra).

Na ocasião, também estiveram presentes o assessor do deputado estadual tenente-coronel Luciano Zucco, Marcelo Viana, o chefe de gabinete, tenente-coronel Alexandre Aragon, além do presidente da Câmara de Indústria, Comércio e Serviços de Caxias do Sul (Cic Caxias), Ivanir Gasparin, o engenheiro Hugo Souza, e o procurador-geral da Fucs, Rui Sanderson Bresolin.

O modelo Frank 5010 foi desenvolvido entre março e setembro de 2020 por um grupo de engenheiros e empresários voluntários, sob coordenação do Parque de Ciência, Tecnologia e Inovação da Universidade de Caxias do Sul (TecnoUCS) e orientação técnica do Hospital Geral. O equipamento foi concebido para o atendimento de urgência e emergência de pacientes com necessidade de intubação e foi submetido a testes clínicos e de engenharia. Ele foi homologado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) no mês de outubro.

A Fucs também enviou duas unidades do ventilador pulmonar para Santana do Livramento, na fronteira oeste, na última semana. A doação ocorreu após a prefeita da cidade solicitar por meio de um ofício os equipamentos, para auxiliar na estrutura destinada ao atendimento de pacientes com coronavírus, especialmente, casos graves que exigem UTIs. 

Treze respiradores já foram doados a instituições e mais 40 estão sendo pré-montados pela Universidade de Caxias do Sul (UCS).